domingo, 17 de janeiro de 2016

 
"Ame o que dói em você, pois o que é qualidade já possui o olhar cuidadoso do reconhecimento. Ame o que te limita, pois o que te impede de avançar está te impulsionando quando vira desconforto. Ame, sobretudo, aquilo que você tenta esconder por não ser a sua parte mais bonita: isto faz de você real e te aproxima de sua totalidade. Ame o que é defeito, o que se rejeita, o que é criticado: amar o que é destituído de admiração é a parte que mais precisa de você."
Marla de Queiroz 🍃