segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Sobre saudade.



Creio que não sou uma pessoa ligada ao passado. Costumo escrever alguns finais para as histórias e situações que vivi. Sou uma daquelas pessoas que acredita que devemos sempre ter espaço interno para deixar o novo vir. Não tenho perfil de acumuladora.
 Mas saudade é diferente. Eu sinto saudades.
 De lugares, de pessoas, de situações e de épocas em minha vida. Mas a minha saudade é carinhosa, bonitinha, não tem um tom triste, nem preto e branco. Ela é alegre e colorida. Talvez porque eu me sinta grata por ter vivido situações, conhecido pessoas que foram tão marcantes e tão especiais para mim de forma que eu pudesse acomodá-las em meu coração de maneira tão terna que me faz reviver cada lembrança com os olhos vagos e um sorriso bobo na face. Então eu acho que até gosto de sentir saudades. Mas a definição mais linda que já li sobre saudade é essa:
"Saudade é o amor que fica".


Boa noite =)