segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Meio ou desculpa??

Sempre tive dificuldades com a inércia. Sempre fui do movimento. Talvez porque eu tenha enxergado cedo que o que a vida mostra para todos: que tudo o que queremos depende somente de nós. Enxergando as coisas dessa forma, nunca fui de prestar atenção nos obstáculos para alcançar determinado objetivo ou sonho, sempre mirei nos desafios. E seguia em frente. É certo que tudo o que é excesso faz mal, e então a vida me ensinou que às vezes é preciso parar para descansar. A vida também me ensinou a ser mais tolerante com as pessoas que gostam da inércia, pois antes eu me comportava como um "arrastão" querendo levar os outros juntos comigo. E não é assim, cada um tem seu tempo, porém é escolha minha deixar as pessoas com as escolhas delas e não sofrer com isso. Porém o que mais observo são as listas de empecilhos ou desculpas que estas pessoas carregam para justificar a sua inércia e esta lista eu não quero ouvir. Simplesmente diga: não quero, não vou, quero ficar assim. Essa reflexão surgiu à partir da leitura de uma frase de Roberto Shinyashiki, pessoa esta que tive a oportunidade de ver uma palestra e fiquei encantada com a história pessoal que existe atrás do grande psiquiatra e escritor.

"Quem quer fazer alguma coisa, encontra um meio.
Quem não quer fazer nada, encontra uma desculpa."


                                                      Roberto Shinyashiki

É simples assim. E eu te pergunto: meio ou desculpa?