quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Novembro Azul, depois do outubro Rosa.

Boa noite de quinta, gente! Hoje estou aqui para falar sobre o Dia Mundial do Diabetes que acontece todos os anos no dia 14/11. O mundo inteiro se une nessa campanha afim de divulgar informações, fazer triagem nas pessoas para saber se são ou não diabéticas, fazer campanhas preventivas. Vários monumentos em torno do mundo são iluminados com a cor azul.

Tenho uma história pessoal com o Diabetes. A minha primeira oportunidade de emprego como psicóloga foi no Centro Municipal de Atenção ao Diabético Tipo 1. Eu não sabia praticamente nada sobre essa doença crônica, a não ser que "diabético não pode comer açúcar". Não participei da "gestação" desde centro de atenção, mas participei do nascimento. Estudei sobre a doença e me apaixonei pela causa. Fazia além dos atendimentos individuais, grupos de Educação em diabetes com a equipe multidisciplinar. Mas o que eu gostava mesmo era de atender os adolescentes. Tanto que eles foram tema da minha dissertação de mestrado, defendida em 2008  com o título "Adolescentes com Diabetes Mellitus Tipo 1: Construindo sentidos sobre adolescência, corpo, saúde e diabetes". Dessa forma, todos os anos, mesmo não estando mais no Centro de Atenção ao Diabético participo de alguma forma desta data.
Todos os anos existe um tema, o que me deixou mais feliz foi que em 2008 quando defendi minha dissertação o tema da campanha era: Diabetes em crianças e adolescentes. Para os anos de 2009 à 2013 o tema será Diabetes: Educar para prevenir.

O símbolo da campanha é um círculo azul que significa a união pelo diabetes e simboliza o apoio à Resolução das Nações Unidas sobre Diabetes.
Dessa forma, convido à blogosfera no dia 14/11 à fazer um post divulgando algo sobre o diabetes. Eu farei a minha parte, e vc, vem junto comigo??

Beijos azuis à todos. Deixarei à direita do blog a imagem da campanha, quem quiser pode levar como selinho.

Espetáculo Correnteza - Grupo R-49

Olá pessoal, estou passando por aqui para dar notícias sobre o Festival de Dança do Triângulo Mineiro - XXII edição. Em especial sobre o grupo R-49 aqui da comunidade onde desenvolvo trabalho social. A apresentação foi linda. Não tenho fotos pois não era possível tirá-las com flash para não atrapalhar a performance dos bailarinos. Fui ao Festival nos dias 30/10 e 01 e 02/11. Vi coreografias lindíssimas, muitas me emocionaram. Um emoção que não é possível descrever com palavras. Vou deixar aqui a descrição da coreografia do Grupo-R-49.


Correnteza - "A coreografia se assemelha a um fluxo, como torrente de água e de gente que se encontra e desencontra, buscando passagem para a realização de seus sonhos, promessas de vida. A vida: correnteza - remanso e corredeira. Coisas, seres, influências, vão se amontoando e nos atravessando no cotidiano como enxurrada; às vezes traçando rumos, às vezes causando inundação. A água é vida. A vida correnteza."

Grupo R-49
Coereógrafo/diretor: Alexandre B. da Silva.
Cidade: Uberlândia-MG