segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Sobre caminhos...

Boa noite de segunda, gente! Faz um tempinho que estou pensando em fazer este post, mas confesso que estava sendo duro pensar sobre caminhos que a gente precisa escolher. Uma vez conversando sobre isso com o meu noivo, ele me perguntou: Se você tivesse dois caminhos a seguir, um com pedras e outro com grama, qual escolheria? Eu respondi que escolheria o da grama, meio sem pensar mesmo...foi aí que ele ponderou...tanto faz, pois é você quem faz o caminho. Fiquei pensando, como saber se o caminho é das pedras ou da grama, ou da montanha, ou do mar, ou de qualquer outra coisa?? Difícil isso...Talvez só passando a gente possa entender de que é feito o caminho. Não dá pra ficar antecipando. Tenho entendido que a gente escolhe um rumo e aposta nele, se não tiver legal, muda a direção...pega um atalho, volta, às vezes fica perdido...sei lá. Só sei que estou nessa encruzilhada. Os caminhos parecem ter pedra, grama, flores, areia, barro. Neste post em especial queria muito ler os comentários das pessoas que passam por aqui. Trocar reflexões sobre caminhos. Deixem seus comentário, serão muito bem vindos!!!Beijocas!!!


Caminhos


Andando pela vida eu vou
às vezes com passos largos
outras vezes lentos
Sinto a terra fofa
o asfalto árido
a grama fresca
a areia fina
às vezes temos flores
e até o caminho dourado
do mágico de OZ
Faço uma aposta e vou
e só o tempo
me fala onde estou.